Crysis 3

Published On 3 de Março de 2013 | By Darknight |

Está de volta um jogo que muito deu que falar á uns anos atrás pela sua qualidade gráfica e inovação.

Crysis 3 promete ser novamente um jogo sem igual a nível gráfico.

Antes de começar vamos relembrar que este jogo foi feito para PS3,XBOX 360 e PC.
No entanto e embora as consolas corram em DirectX9, a versão para PC é exclusivamente DirectX 11, portanto é obrigatório o uso de uma gráfica com DX11.
Poderá quem sabe no futuro ser lançado algum patch de compatibilidade para Dx9/Dx10 , mas a crytek não falou nada sobre isso, não passa de petições e rumores de alguns fans indignados.

Na versão PC, encontramos um jogo com uns gráficos bastante bons e melhorados face ao anterior titulo e face aos vários motores de jogos existentes noutros jogos actuais.
Novamente a Crytek através do Cryengine 3 volta-se a meter no topo do patamar em gráficos.

Dito pelo CEO da Crytek , o PC contem uma qualidade visual muito acima das consolas atuais, e até mesmo nas próximas consolas.

O facto dessa qualidade única faz com que nem todos possuam um PC capaz de correr o jogo nos settings Máximos.
Um jogo exigente em DX11 e Tessellation com bastantes detalhes de reflexão de luz e sombras.
Só Computadores de preços mais elevados e com CPU e GPU já que alta gama serão capazes de correr com settings mais elevados.

 

Historia

Crysis 3 volta a passar-se numa cidade devastada.
Por espanto de alguns temos a retorno do Prophet, tudo indicava ter morrido no jogo anterior, mas misteriosamente ele volta para combater os aliens Ceph.
Novamente temos o papel de herói e contamos com armas tecnológicas e ainda a novidade do arco (Bow).

Em singleplayer temos uma história onde veremos como regressa o Prophet e talvez a ultima batalha da humanidade.
No entanto é uma história curta com poucas horas de jogos, são cerca de 5 a 6Horas de jogo.

A jogabilidade é idêntica ao anterior Crysis, mesmas teclas e mesmos poderes, não fosse isto uma sequela de crysis 2.
Bastante fácil de jogar e alguma liberdade pelos mapas, no entanto não tem nada haver ao primeiro Crysis onde tínhamos um verdadeiro mundo para explorar, aqui embora seja possível vários caminhos e um mapa aberto acaba por ser sempre “básico” a orientação a tomar.
Temos também pontos de skill que vamos ganhando para fazer upgrade ao nanosuit, pode-se usar 4 tipos de skill que teem haver com a arma, camuflagem, armadura entre outras opções.
Com o aumento dessas skill, fica-se mais rapido, com mais armadura  ou reloadeds mais rápidos entre outras skill disponíveis…

Como já falamos a novidade do bow e do modo Hunter trazem para o multiplayer mais um modo de jogo.
O multiplayer conta com 8 modos de jogo , tais como TDM,Assault,Hunter entre outros modos e com 12 mapas.
Tudo idêntico ao anterior , ranks, pontos, desbloqueio de armas,upgrades, skins ..etc

 

Tratando-se de um jogo exigente como já se viu, nós aqui na BenchX, fizemos uma pequena comparação de duas gráficas , uma AMD e outra Nvidia.
Os anteriores Crysis haviam sido de alguma forma produzido em parceria com Nvidia, no entanto o Crysis 3 foi com AMD.
Vamos ver com os últimos drivers como se safam ambas as gráficas, não nos foi possível testar em dual GPU nem mesmo a novíssima TiTan.

Sistema utilizado:

i7 3770k @ 4.5Ghz
Asrock OC Formula
16Gb Avexir 2800Mhz CL11
HD7970 Ghz Edition – 13.2 beta 7
GTX 680 Lightning – 314..07
Samsung SSD 840 120GB
Antec TPQ 1200W

 Testando em singleplayer no mapa Welcome to the Jungle com todos os settings em Very High e os filtros em FXAA.

Pode-se ver que neste caso a gráfica AMD saiu-se melhor, uma diferença pequena mas sempre são cerca de 6FPS.
Poderá haver algumas diferenças consoante os clocks usados, no entanto em clock por clock a 7970 parece ser superior.

Conclusão

Em resumo, um bom jogo com gráficos acima dos actuais e inovação nas tecnologias usadas nos videojogos.
No entanto poderia ter um modo campanha mais longo.
Poderia ter compatibilidade de Dx9/Dx10 uma vez que as consolas são Dx9, certamente agradaria a muitos gamers com placas ainda Dx10.
No entanto a evolução é assim, e certamente em Dx10 não seria possível tal qualidade gráfica.

Um novo “benchmark” no mercado, que será certamente um teste de performance de hardware actual e futuro.

One Response to Crysis 3

  1. mesmo com uma grafica meio fraquinha comparada as de alta gama.
    joguei isto com uma saphire 5770 vapor x e um cpu phenom 2×4 955 com oc a 4.0ghz
    e deu para ver que este jogo e simplesmente brutal, em termos de graficos a nivel de detalhe.
    achei o jogo muitissimo bem conseguido,tanto a nivel de historia,como de accao.
    tambem o som esta estupendo,achei ate o melhor deles todos.
    o unico senao foi mesmo o ser muito curto,mas continua a ser um jogo imperdivel.
    todos aqueles que como eu se consideram um gamer,nao devem perder mais esta perola da crytek.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *